domingo, 27 de julho de 2014

Dia dos Avós

A elas meu amor será eterno e também a elas eu devo o que sou... no dia de ontem fiquei lembrando delas com muitas saudades e imaginando se eu vou ser tão importante na vida de minha netinha quanto elas foram para mim... 
Mineirinha, minha avó Amélia,...Nordestina minha avó Alice, ambas morenas, trabalhadeiras, possuidoras de um coração imenso... as lembranças são muitas e a saudade maior ainda...

 

quinta-feira, 24 de maio de 2012

APFELTRUDEL  
No início de casada meu marido falava tanto dessa torta que um dia resolvi procurar  receita e então ao longo de muitos anos fui experimentando receitas e receitas até que cheguei nesse resultado que agrada muito,  fiz no mês passado e resolvi tirar as fotos para poder publicar e aqui está  para quem quiser experimentar e depois me conte se gostou.... 

 Ingredientes: 500 gr de farinha de trigo  - 1 colher de (chá) de fermento em pó -  100 gr de manteiga   -  1 colher (café) de sal   -  1 xícara (chá) de água 
 Para o Recheio: 5 maçãs - 6 colheres de açúcar - 1 1/2 xícara (chá) de uvas passas - 3 colheres (sopa) de suco de limão - canela em pó - 1/2 xícara de farinha de rosca - mais ou menos 50 gr de manteiga.
  Primeiro prepare o recheio, descasque as maçãs, retire as sementes corte em fatias, misture uvas passas e regue com o suco de limão adicione o açúcar e deixe mascerando até a utilização. Faça a massa peneirando a farinha juntamente com o fermento numa bacia, junte a manteiga aos poucos e vá amassando colocando a água salgada para umedecer até que fique uma massa homogenia lisa. Divida em três partes (dá 3 apfelstrudel) e pegue cada parte e abra com o rolo o mais fino que puder, pulverize farinha de rosca, com cuidado, deixando as bordas livres para ter um fechamento mais perfeito, coloque o recheio e pulverize com farinha de rosca novamente, coloque canela a gosto e espalhe pedacinhos de manteiga intercalando os meios, feche a torta como se fosse um rocambole, dando o formato redondo. (Prepare as três tortas da mesma forma.) Por último pincele gema levemente batida e leve ao forno quente em assadeira untada. Depois de assado pulverize açúcar de confeiteiro por cima. O costume é servir esta torta com chantily ou sorvete.

segunda-feira, 21 de maio de 2012

BOLO DE FRUTAS ( bolo da laranja picadinha incrementado)
Sabe aquela receita de bolo Inglês feito com laranja picadinha???
Ah! eu achei a ideia muito boa pq é uma massa gostosa e prática de fazer porque é batida no liquidificador, logo, quis experimentar fazer ela incrementando com frutas secas e uva passas e para dar certo acrescentei alguns ingredientes a mais para que ficasse do meu jeito e ficou uma DELÍCIA!!!
Ingredientes:  4 ovos - 1/2 xícara (chá) de óleo  -  2 xícaras (chá) de açúcar  -  2 colheres (sopa) manteiga  -  1 laranja picadinha (tire as sementes)  -  1 e 1/2 xícaras (chá) de suco de laranja  -  2 e 1/2 xícaras (chá) de farinha de trigo  -  1/2 xícara (chá) de maizena  -  1 pitadinha de sal  -  1 colher (sopa) de fermento em pó  -  1/2 xícara (chá) de uvas passas sem sementes  -  1 xícara (chá) de frutas secas (cristalizadas cortadas pequeno tipo para panetone)  - 2 colheres de conhaque  -  1 colher de farinha de trigo  -  1 colher (café) de canela em pó)
Para a Calda: 1 xícara (chá) de açúcar  -  1 colher (chá) de manteiga - 3 colheres (sopa) suco de limão  - 1 colher (sopa) de raspas de limão.
Modo de Preparo: Unte uma forma para bolo, no meu caso usei uma de buraco no meio (24 cm de diametro) o bolo ficou alto.
Organize os ingredientes da seguinte forma:  Antes de tudo misture numa vasilha as frutas picadinhas com as uvas passas e regue com o conhaque.
Peneire a farinha, a maizena o sal e o fermento numa bacia e reserve.
Coloque no liquidificador a laranja picadinha, o açúcar os ovos, óleo e bata até que fique um creme, depois adicione a manteiga, o suco de laranja e a mistura de farinha, maizena, sal, fermento bem lentamente até que fique uma massa consistente, desligue o liquidificador. Pulverize a colher de farinha de trigo e canela sobre a mistura de frutas cristalizadas e misture à massa levemente usando um pão duro ou uma colher. Despeje a massa numa forma untada e leve ao forno pré-aquecido + ou - 180 graus por cerca de uns 35 a 45 minutos. 
Depois de assado, prepare a calda, misture os ingredientes numa panela pequena e leve ao fogo baixo, deixe ferver cerca de uns 5 minutos para que fique uma calda e despeje sobre o bolo (eu dei uma furadinha com um garfo na superfície do bolo para que a calda penetrasse melhor).

segunda-feira, 16 de abril de 2012

Uma turminha muito engraçada

Esta turminha de bonecas foi uma encomenda que eu entreguei na semana passada para o Colégio Memorial de Jundiaí, tive que me basear em fotos de fantoches utilizados pelas professoras para executar modelos em bonecas de pano.
Agradeço a minha amiga Maria Alice que me ajudou durante um dia inteiro cortando os tecidos para as roupinhas e ao incentivo de minha filha Janaina durante as dificuldades do desenvolvimento deste trabalho. 

Pão de Queijo do Adrianus

Sempre que o Adrianus tem um queijinho meio que sobrando aqui em casa.. rs...ele faz esse pão de queijo, é uma receita muito simples e qualquer pessoa com boa vontade pode fazer sem erro.

 Ingredientes:

Polvilho - pode ser 3 xícaras de qualquer polvilho: doce ou azedo ou ainda se você quiser    uma  textura mais suave não muito grossa use: 1/12 xícara de polvilho doce misturado com 1 1/2 xícara de polvilho azedo. 

Queijo Ralado - 250 g de queijo minas padrão
                                 ou 150 g  de queijo parmesão
1 xícara de leite

3/4 xícara de Óleo 

2 ovos - se o ovo for pequeno coloque 3

1/2 colher de sobremesa de sal

Modo de preparo:  Misture o polvilho com o queijo ralado e o sal numa bacia e reserve, a seguir esquente o leite misturado com o óleo, despeje sobre a primeira mistura e vá mexendo até que fique homogêneo, deixe esfriar um pouco e após, vá juntando os ovos um a um nesta massa até que a mesma fique brilhante.
Fazer os pãezinhos com auxílio de 2 colheres (sopa) uma colher pegue a massa e com a outra forme o pãozinho que deverá ser colocado numa assadeira (não precisa untar). Levar ao forno quente em temperatura 180 a 220 graus. Demora cerca de uns 35 a 40 minutos para ficarem prontos.

La Madeleine


Pelas ruas de Paris um palco de apresentações de coisas novas para mim, chegamos numa manhã na Praça Vendôme e deparamos com uma arquitetura grega, era ladeada de colunas estilo grego, na verdade eram mais de cinquenta colunas e curiosos entramos, era a igreja de La Madeleine - Igreja de Santa Maria Madalena, sua construção foi iniciada em 1764 e seu término quase 80 anos depois,em 1842.
Muito linda por dentro, tem uma vibração de energia que arrepia... o altar em estilo renascentista tem uma cúpula iluminada naturalmente devido a um plafonier, a imagem de Santa Maria Madalena rodeada de anjos nos coloca na amplitude de sua glória... Linda, linda...
Resolvi deixar aqui a oração de Santa Maria Madalena para sempre nos abençoar...


Oração à Santa Maria Madalena - Protetora das mães solteiras - (22 de Julho) 
Santa Maria Madalena, vós que ouvistes da boca de Jesus estas palavras: “Muito lhe foi perdoado porque muito amou... vai em paz, os teus pecados estão perdoados”, alcançai-me de Deus o perdão dos meus erros e pecados, deixai-me participar do ardente amor que inflamou o vosso coração, para que eu seja capaz de seguir a Cristo até o Calvário, se for preciso e assim, mais cedo ou mais tarde, tenha a felicidade de abraçar e beijar os pés do divino Mestre. Como Jesus ressuscitado vos chamou pelo nome: “Maria!” ele chame também pelo meu nome.., e eu nunca mais me desvie do seu amor, com recaídas nos erros do meu passado. 
Santa Maria Madalena, eu vos peço esta graça, por Cristo Nosso Senhor. 
Amém.

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Arco do Triunfo (França)






Uma visitinha rápida ao Arco do Triunfo, foi o que fizemos na volta pro hotel depois de uma tarde maravilhosa na Torre Eiffel, já era muito tarde, mas nada tirou nossa vontade de desfilar pela Champs-Elysées em plena 11 horas da noite.

"Vocês voltarão sob arcos triunfais" (Napoleão Bonaparte - 1805)
Dito isto, criou-se a idéia da construção deste monumento para homenagear os soldados que fizeram parte das grandes batalhas de Napoleão Bonaparte.
A primeira pedra do Arco do Triunfo foi colocada em 15 de agosto de 1806, a obra foi terminada em 1836, depois de 15 anos da morte do imperador.
Situado no alto da Champs-Elysées, na praça Charles de Gaulle de onde partem as doze principais avenidas da cidade, mede 50 metros de altura e abaixo deste arco encontra-se o túmulo do soldado desconhecido, um símbolo para homenagear as pessoas que são mortas em uma guerra. É um ponto de partida das cerimônias mais importantes da França.
O Arco do Triunfo tornou-se uma preciosidade arquitetônica e histórica mais visitada em todo o mundo.
E nós também estivemos lá ...... rs...

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Museu do Louvre













Respirando arte, passamos uma segunda feira altamente cultural, o dia chuvoso complicou um pouco a entrada para visitação, mas, com paciência enfrentamos a enorme fila para compra das entradas, valeu ver esse museu que fica no centro de Paris, entre o Rio Sena e Rue de Rivoli, muito famoso em todo o mundo pelo rico acervo de enormes coleções de artefatos do Egito antigo, da civilização greco-romana, artes decorativas e numerosas obras-primas dos grandes artistas da Europa. Antes Castelo do Louvre, em 1190 era uma fortaleza para defender Paris a oeste contra os ataques dos Vikings. Inaugurado em 1793, onde abrigava as pinturas confiscadas da família real e aristocratas que haviam fugido da Revolução Francesa.
Via em livros de arte fotos de algumas obras que compõe o acervo deste museu importante, jamais iria imaginar que um dia meu filho me colocasse diante deles, emocionante, não existe palavras para descrever isso tudo... só me resta agradecer... Obrigada Filhão.... rs

sábado, 15 de outubro de 2011

Eiffel










Esplêndida, eis ela a nossa frente com seus 324 metros de altura, chegamos lá a tardinha e ficamos nos jardins esperando pelo anoitecer, enquanto isso bebericamos vinho e atentos aos arredores podemos nos divertir vendo cenas interessantes, era domingo lindo, o tempo estava claro, é grande o número de turistas e vendedores de bebidas, os jardins lotados de gente, alguns, namorando, outros apenas fazendo caminhadas, muitos de bicicletas outros de patins, rollers, outros acompanhados pelos seus cãezinhos, estes últimos pareciam moradores do lugar tal a simplicidade como se comportavam, contemplamos a chegada de muitos casais de noivos acompanhados de seus padrinhos e convidados em seus carros brancos decorados para tirar fotos usando o cenário da torre e os arredores dos jardins que a cerca. Nos sentimos muito a vontade e passamos horas ali esperando o anoitecer para ver as luzes acenderem na torre, nos certificamos que assim como nós muitas pessoas também estavam esperando por isso....rs..
Muito alta, esta torre é a segunda estrutura mais alta da França, perde para o Viaduto Millau, ela se divide em três níveis, pode subir pelas escadas (são 300 degraus do primeiro para o segundo nível) ou por elevadores, pode-se apenas chegar até o segundo nível.
Por volta das 9 da noite começou a escurecer e quando faltavam 10 minutinhos para as dez da noite ela piscou suas luzes, o que resultou numa explosão de flaches das digitais de todo o povo ali presente, as luzes foram se acendendo lentamente, com momentos de piscarolas intermitentes ... LINDA!!!! LINDA!!!! ... na ponta da torre bem ao alto tinha uma luz tipo farol e ficava girando iluminando o céu.... MARAVILHOSA !!!!!
Obrigada Meu filho e Nathasha por realizar meu sonho.... vocês conseguiram arrancar de mim uma emoção tão grande que guardarei pelo resto de meus dias....

domingo, 11 de setembro de 2011

Notre-Dame










Quem já ouviu falar no corcunda de Notre Dame ??? rs... quando criança assisti este filme e fiquei deslumbrada, assustada, mergulhada na trama desta história que acontecia numa catedral de Paris... meu filho e sua namorada me levaram pra conhecer essa antiga catedral parisiense, gótica, construída em 1163 dedicada a mãe de Jesus, Maria...fica na praça de Parvis na Ilha de Ile de la Cité, emoldurada pelas águas do Rio Sena...ela é imponente, em sua fachada tem três portais, Santa Ana, Virgem Maria, e portal do Julgamento, o estilo gótico trás uma riqueza de detalhes onde ficamos por muito tempo observando e fotografando cada um deles..., alguns assustadores como os demônios bravios nos telhados. Thas conseguiu tirar umas fotos dos vitrais por dentro da catedral, deu pra mim matar a curiosidade de como é lá dentro...rs... a fila pra entrada estava enorme e então resolvemos conhecer os arredores do lugar, chegamos numa ponte sobre o rio Sena, atrás da catedral e lá estava as Juras Secretas de Amor.... uma porção de cadeados trancados, onde os casais trancaram para sempre o seu amor e jogaram a chave do cadeado no rio....rs.... nas ruas laterais ficam vendedores de souvenirs, fotos, cartazes, pinturas e mais uma porção de coisas interessantes.
Agradeço mais uma vez a disposição de meu filhote de me proporcionar mais este prazer... ADOREI!!!!!

O Corgunda de Notre Dame
Victor Hugo

Em Paris do século XV, uma jovem cigana, chamada Esmeralda, dança na praça da Catedral de Notre Dame. Sua beleza transtorna o arquidiácono Claude Frollo, que, perturbado pela beleza da moça e querendo afastar-se dessa tentação, ordena que seu sineiro, o disforme Quasímodo, rapte a moça. Esmeralda é salva por um grupo de arqueiros, comandado pelo capitão da guarda Phoebus de Châteaupers. Quando a cigana reencontra Phoebus, alguns dias mais tarde, ela demonstra todo o amor que passou a dedicar-lhe. Apesar de comprometido com a jovem Fleur-de-Lys (em em português: "Flor de Lis"), Phoebus fica seduzido pela cigana. Ele marca um encontro com ela em um local fechado mas, quando está chegando a seu objetivo, Frollo aparece e o apunhala.

Acusada de assassinato, a Bela Esmeralda não aceita, para escapar do suplício, se entrega a Frollo. Quando é levada ao átrio da catedral para receber a sua sentença de morte, Quasímodo que também a ama, porém de forma desinteressada se apossa dela e a leva para dentro da igreja, onde a lei de abrigo a torna protegida. Quasimodo passa a noite tratando dela.

No entanto, os vagabundos com quem Esmeralda vive vêm libertá-la. Frollo aproveita-se do tumulto formado para levá-la com ele e tenta seduzi-la. Furioso com sua recusa, ele a entrega às garras de uma velha reclusa do "buraco dos ratos", uma eremita enterrada por sua vontade nesse buraco no chão e considerada louca. Porém, ao invés de despedaçar Esmeralda, a velha reconhece na cigana sua própria filha e a poupa. Esmeralda não consegue desfrutar de uma paz muito longa; logo em seguida, os guardas da cidade a encontram e ela é encaminhada novamente para a sua execução, na praça da catedral.

Do alto da igreja, Quasímodo e Frollo assistem à execução. Quasímodo, louco de desespero, atira o padre do alto da torre e desaparece para sempre. Muito tempo depois, ao ser aberto o ossário de Montfaucon, são encontrados dois esqueletos abraçados; um deles, com uma visível deformação da espinha. (Wikipédia)